Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Envie seu texto
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Cultos Afros Textos Afro-Religiosos Os anjos na Umbanda

Os anjos na Umbanda


Luis Tenório

MiguelTodo ser humano é custodiado por um guardião celeste, isto é, o Anjo da Guarda. O Anjo da Guarda, como é conhecido por grande parte dos fiéis cristãos, umbandistas e kardecistas. É uma entidade responsável por indicar vibrações positivas, bons caminhos e um bom futuro para cada um de seus filhos designados por Deus. Um Arcanjo, de modo geral também é um Anjo da Guarda, porém este é um comandante, um chefe de falange, que determina o porquê da justiça e da fidelidade a Deus.

Quem tem um Anjo da Guarda, tem uma fortaleza diante de si. Por isso é sempre fundamental fortalecer o Anjo da Guarda, orando sempre para uma evolução, para a caridade e para as boas práticas. Mas o que é um fortalecimento para uma entidade evoluída? É a sua dedicação para com a mesma, é a demonstração de fé, de esperança.

Quando oramos para o Anjo da Guarda, estamos conectando uma trama de Deus em nosso coração, como se estivéssemos em conexão com o próprio para pedir paz, proteção, carinho, reconciliação e amor.

“Mais tarde, o anjo que apareceu a Josué se identificou, mas não por nome, mas sim como príncipe do exército de Deus. (Josué 5, 14)”

Os Anjos são seres ligados diretamente com o Criador, para a execução e divulgação da Lei Divina. Na Umbanda, todos os anjos tem uma ligação com o Orixá Xangô. Xangô é o Orixá da Justiça, sincretizado no catolicismo como São Jerônimo, aquele que traduziu à Bíblia por inspiração de Deus. Logo, Xangô porta consigo a Lei Divina, sendo o próprio uma energia presente nos apóstolos e nos missionários de Deus nos trechos sagrados.

 

A quem Zambi promete nada faltará, os anjos sempre estão ouvindo cada palavra que um indivíduo diz. Assim, de modo peculiar, os Anjos são espiões para que o mal seja cortado logo no princípio do pensamento. Os Anjos têm capacidade de ler pensamentos, quaisquer formas verbais ou não verbais na cabeça do ser humano, por isso são conhecidos por portarem muitos segredos do Criador.

Todos os Anjos pertencem diretamente a Olorum, o Supremo Senhor. Em contexto das Sete Linhas, a Linha de Oxalá é agraciada por anjos, pois nela se situam magos, médicos e outros mestres da sabedoria.

Dentro do Ritual Umbandista, os Anjos são responsáveis por guardar os médiuns de más influências, os consulentes de maus pensamentos e as entidades de más intenções. Não existe sequer uma gira, sem firmar um Anjo de Guarda no terreiro. Um babalorixá é filho de um Anjo da Guarda em especial, por isso chamamos os Anjos de Pais Guardiões, Defensores e outras qualidades.

Mas para você leitor não ficar curioso e perguntando qual seu anjo ou o que ele irá fazer em sua vida, aqui constam algumas simples práticas para obter a proteção de um Anjo da Guarda, fornecidas generosamente por um Preto Velho de confiança. 


Como chamar um Anjo da Guarda
:

 

Tomar um banho normal, seguido depois de um banho de alecrim do pescoço para baixo. Feito isso, acenda uma vela branca com mel em um pires branco. Ao lado da vela, coloque um copo de água filtrada. Acenda em um local acima de sua cabeça para ter a proteção consigo. Faça suas orações de preferência e finalize com um Pai Nosso, uma Ave Maria e uma Salve Rainha. O alecrim usado no banho deverá ser despachado em um rio ou em águas correntes.

Este ritual deverá ser feito em um Sábado às nove horas da manhã. O Mel e o copo de água deverão ser despachados normalmente.

 

 

Firmeza para a Família:

 

Em uma segunda-feira, antes do meio dia, pegue um pedaço de papel e nele escreva o nome de todos da família, três vezes, e dobre-o em três partes. Feito isso, coloque o papel no fundo de um prato de louça branco e coloque mel em abundância por cima dele. Acenda uma vela de sete dias branca e faça 3 Pai Nossos, 3 Ave Maria, 3 Salve Rainha e o sinal da cruz, pedindo proteção e firmeza para todas as realizações familiares. Sempre deixe um copo de água ao lado da vela e em um local acima da cabeça de todos da família. Deve-se continuar esse ritual sempre que possível, pois é uma proteção natural e que deve ser sempre invocada com fé.

 

Para aqueles que desejam mais aconchego angelical, sempre rezar o salmo 15, 90, 61, 14 ou 120, ao lado de uma vela branca e um copo de água ao lado da vela.

 

O Mistério dos Anjos é algo encantador, porém a Magia Dourada que emana de suas forças sempre será bem vinda aos Filhos de Fé, para o uso e realização pessoal. Os Anjos são os seres que mais nos querem bem.

 

Paz e Luz!

Epà Babá mi Orishàlá!

Que a força dos céus estejam com cada um de vocês!

 

Quer publicar seu texto no Morte Súbita inc? Envie para nós.