Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Envie seu texto
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Demonologia Estudos de Demonologia O Alto Escalão Infernal

O Alto Escalão Infernal


Amadeus Arkham

AltoNo inferno o que manda é a fúria e o ódio dos demônios que lá compõem uma hierarquia realmente assustadora. Tudo o que fazem é odiar a Deus e a suas criaturas divinas e tentar enganar os seres humanos, a quem consideram uma raça inferior (o que na verdade são) e devem obedecê-los cegamente, para, assim, os demônio se apoderarem de nossas almas e arrasta-las para as profundezas do inferno para experimentar um tipo de dor realmente inimaginável. O inferno funciona mais ou menos como uma empresa, o que está se expandindo por todo o mundo aumentando a competição entre os homens e o ódio entre os mesmos, com uma hierarquia não muito definida. Depois de uma pesquisa que
eu fiz lendo alguns livros sobre o assunto, descobri que muitos apresentam definições diferentes para essa hierarquia no inferno, mas os demônios que mais aparecem no primeiro escalão infernal são os citados abaixo:

Lúcifer

Por ser o mais poderoso, não se mostra muito vil, tomando uma postura altiva conivente com a sua ocupação nos círculos infernais. É o Imperador Supremo, o líder da Rebelião dos Anjos contra Deus, o primeiro a cair no inferno. Quando cai se divide, criando o seu irmão Satan, apenas seu lado mais furioso e com mais sede de sangue. Ao se apresentar para as pessoas ele toma a forma que quiser, o que, na verdade, todos os demônios podem, mas Lúcifer, por causa da importância da sua posição não se apresenta com formas grotescas, agressivas ou malcheirosas.Talvez por ter essa atitude altiva, não se mistura com outros demônios, considerando-se superior e desprezando os outros. Teme a Deus como todos os outros demônios. Nos combates registrados que ele travou com Jesus ou com as criaturas divinas de Deus ele perdeu e sabe que só existe orque Deus permite, está, para sempre, confinado no inferno, de onde sairá no dia do Juízo Final e comandará suas forças demoníacas e suas legiões de espíritos imundos contra as forças de Deus na famosa guerra entre o bem e o mal conhecida como o Armagedon.

Satan

Existe muita discordância a respeito deste demônio, porque muitos pensam que ele é alguém diferente de Lúcifer ou simplesmente o mesmo demônio. Mas na verdade eles (Satan e Lúcifer) são a mesma "pessoa". Satan é apenas o lado mais furioso de Lúcifer. Mas, como tem um "alto cargo" no inferno, não se ocupa muito em fazer, e sim em mandar. Revoltado com o mundo e com Deus, ele ataca os seres humanos sem piedade fazendo de tudo para que eles fiquem mais perto do inferno e longe de Deus. Prefere, ao contrário de seu irmão Lúcifer, tomar formas gigantescas, violentas e assustadoras para aparecer para os desafortunados que desejam manter algum contato com esse tipo de criatura. Na verdade toda essa agressividade serve para mascarar sua inteligência, altivez e paciência com que trama seus planos contra a humanidade. Toda a sua ocupação se volta a corrupção de almas, controlando todas as organizações que pregam a opressão do Homem pelo Homem, os Nazistas, por exemplo.

Belzebu

Considerando-se bastante superior, se mostra o mais furioso e antipático de todos os demônios. Trata-se de uma inteligência inumana revoltada com qualquer forma de harmonia. É mais agressivo do que qualquer psicopata assassino que só sabe matar. Tudo o que deseja é matar a todos o mais rápido possível da pior maneira. Como não é tão inteligente quanto os outros, usa essa ignorância a seu favor, combinando-a com toda a sua raiva sem fundamento e formando uma forma de vida realmente demoníaca e fora do comum, realmente fora da compreensão de qualquer ser humano. Uma prova de sua agressividade são as formas que ele assume para aparecer. São formas simplesmente insuportáveis de tão feias e distorcidas. São formas além da imaginação das pessoas, as quais não se suporta olhar por apenas alguns segundos. Toma forma de todas as matérias putrefatas como lixo, carne podre e materiais tóxicos. É o responsável por várias doenças como a Aids e o vírus Ebola e infecções diversas. Também é o responsável por fazer figuras históricas falarem frases abomináveis como a famosa citação de Calígula: "Queria que o povo tivesse uma só cabeça, para corta-la de um só golpe!". Isso além de proteger pessoas como Ronald Reagan, Margareth Tatcher e outros a quem protege. Completamente furioso e revoltado, se não fosse a ação de anjos ele consumiria todo o universo com sua fúria suprema e incontrolável. Como é impedido de fazer isso, ocupa-se em corromper a Inocência das pessoas, semear o desespero e o pânico entre os humanos, a quem considera apenas bonecos para matar sempre e sempre.

Astaroth

Poderia ser considerado o "Homem do Dinheiro" do inferno. Enxerga toda a humanidade como produtos numa prateleira. Seria o demônio da avareza, o que incentiva as pessoas a serem escravas do dinheiro. Ele considera a humanidade como seu patrimônio, trata tudo como uma posse.Embora seja feio e extremamente fedorento, é um dos demônios mais "sociáveis", tendo uma voz agradável, claro, conivente com a sua ocupação no inferno. Ele recebe uma certa "adoração" por parte dos humanos quando algumas de suas idéias são usadas como pilares básicos de nossa sociedade, na verdade, mais nos mundo comercial, mas são idéias que muitas pessoas tem e realmente defendem. Outra forma de sua manifestação entre os humanos é o vício no jogo, principalmente quando tem dinheiro no meio, e a necessidade incontrolável de apostar, colocando em risco tudo o que ganhou numa vida inteira.  Astaroth é um demônio que age de acordo com suas necessidades, por isso não é tão agressivo e desagradável. Ele é apenas um negociante e não precisa
ser furioso, apenas impassível e completamente despreocupado com a humanidade, apenas com o seu valor.

Lilith

Seria o demônio que qualquer homem gostaria de encontrar, mesmo tendo que pagar o eterno preço de queimar no inferno. Isso porque ela se oferece de acordo com os seus desejos mais íntimos, mais eróticos e demoníacos. Ela é o demônio da luxúria, que "arrasta" os homens ao inferno atraídos pelos oferecimentos de seu corpo de mulher.
Condizente com a sua função, ela deve se apresentar da forma mais "bela" possível, para seduzir os homens apresentando-os os prazeres sexuais. Ela pode ser considerada um dos demônios mais perigosos, mesmo por ocupar uma posição bastante elevada na hierarquia infernal. Apesar de se mostrar tão "amigável", ela odeia os humanos tanto quanto os outros, e, na verdade, os uso apenas para mostrar sua altivez perante os outros demônios, sendo um dos que mais arrasta almas para o inferno.Outro fato impressionante sobre
ela, visto em minhas pesquisas, é a referência de ela ter sido mulher de Adão, o que leva a crer que Lilith era, antes de sucumbir ao inferno, Eva. Ela é um demônio muito requisitado: quando os outros não sabem o que fazer, ela sabe e faz com a maior vontade e ódio, sedenta a completar o seu objetivo. Mas, ao invés de perseguir suas vítimas, ela prefere atraí-los, o que faz muito bem. É ela que decide qual demônio será designado para cada missão e tem o poder de suspende-los se não desempenharem bem a sua função.
É o demônio mais difícil de se escapar, pois seus prazeres e pecados estão sempre a nossa volta apresentados de todas as maneiras na televisão, Internet, e revistas pornográficas. Na atual sociedade, onde o talento das pessoas se mede pelo tamanho da bunda rebolando, as delícias infernais de Lilith estão sempre presentes, mesmo dentro das nossas casas.

Mefistófeles


Trata-se do demônio mais perigoso e mais falso que existe. Isso porque ele consegue fazer um uso quase perfeito da Lógica, o que faz com que você se convença de que ele realmente está certo. Essa é a sua forma de agir: enganando, mentindo, induzindo as pessoas a aceitarem suas blasfêmias e descerem ao inferno crentes que estão certas do que passaram a pensar. Se apresenta da forma mais inofensiva, talvez para mostrar que não importa que o tamanho seja pequeno, aquela forma mínima pode ser a mais perigosa já
imaginada pelas pessoas. Está aí para provar que as aparências enganam. Ele é o demônio das mentiras, negando sempre a existência de qualquer Verdade a ser buscada, ou que exista algum Deus. Os filhos humanos de Mefisto, que estão entre nós, são pessoas de um número elevado e de uma inteligência fora do normal, mas voltadas para o mal, uma mente genial distorcida e voltada para atender as vontades malignas. Mefistófeles acha que a humanidade não deveria existir, que a sua formação provém de um acidente bioquímico sem nenhuma importância. Influenciados por este princípio sem fundamento, muitos pensamentos feitos por humanos afirmam que a raça humana não é importante ou não seria nada ao lado do gigantesco universo, mesmo que não o tenham dito de forma tão direta. Decidido a confundir os humanos com suas mentiras e blasfêmias contra Deus,
mostra-se um demônio que utiliza sua sabedoria para fazer com que os humanos cada vez mais se afastem do Senhor e desça ao inferno para a dor eterna, mesmo achando que aquilo é correto.

Belial


É um demônio muito difícil de se encontrar algum material registrado, pouca coisa se sabe sobre ele. Apenas sabe-se que é um dos mais vis e malignos e foi um dos primeiros a aderir à Rebelião dos anjos contra Deus e um dos que mais arrastou anjos para combater contra Ele. Por ser muito furioso, assume formas grotescas e símbolos de voracidade e
fúria. Por ser muito prepotente, recusa-se a assumir formas humanas, por achar essa raça realmente inferior e, a seus olhos, repugnante. Por causa de um culto aberto feito a ele na cidade de Sodoma, a cidade foi destruída. Belial foi aprisionado pelo Rei Salomão, colocado numa garrafa com sua legião e atirado num poço. Foi posteriormente libertado pelos
babilônios. Nada mais foi comprovado pelos livros e demonólogos sobre este demônio. Sabe-se também que, por ser um demônio de revolta sem sentido, inspira os crimes bárbaros, geralmente sem razão aparente, e também inspira os "serial killers", por serem realmente frios e não terem nenhum motivo real para serem o que são e fazerem o que fazem.

Belphegor

Seria considerado o demônio da modernidade, um dos mais ativos e inventivos. É o responsável pelo caos de tecnologia e todo o tipo de máquinas feitas para o mal, como armas, a pólvora, instrumentos de tortura e o aparelho do qual mais se orgulha: a bomba. É um demônio que está sempre se aprimorando, de acordo com o desenvolvimento da tecnologia. Antigamente se apresentava como um velho aparentando sábio, hoje em dia, se apresenta como um emaranhado de fios e aparelhos eletrônicos, teclados e monitores de computador. Hoje em dia, por estar muito orgulhoso por toda a sua modernidade maligna ter se espalhado por todo o mundo, é um demônio muito evitado pelos outros, sendo consultado apenas em último caso.Realmente ele deve ter muita razão para estar orgulhoso, uma vez que todos os humanos, hoje em dia, têm um computador em casa, e são poucos que não tem acesso à Internet. Até parecem coisas inofensivas e úteis, o que na verdade são, mas os homens, por causa da sua ignorância, usa os meios de comunicação para ver coisas como violência, mortes reais, pornografia e outros pecados que cada vez mais dão motivos para Belphegor ficar mais orgulhoso e ir se aprimorando cada vez mais.

Leviathan

Outro espírito que acompanha a evolução dos tempos. É um demônio muito  comentado por ter participações diretas em possessões das mais cruéis e freqüentes. Mas isso é passado, ao invés do profanar materiais Sagrados, agora ele prefere despertar a agonia nas pessoas alimentando a melancolia da cidade. Como todos os demônios que preferem angustiar a atacar, ele assume formas vertiginosas e assustadoras, que não parecem fazer sentido, apenas para angustiar e confundir. Como Belphegor, adiantou-se no tempo e não tem mais como prioridade as possessões e sim despertar sofrimentos causados pela vida na cidade, como a solidão urbana, depressão, suicídio e qualquer forma de auto punição.
Inspira os crimes cruéis cometidos pelos poderosos como a indiferença para com os necessitados, e a dureza da alma. É o regente da Mídia. Sua atuação prolifera-se com o aumento de menores abandonados e o grande número de sem-tetos. Você pode pensar que Leviathan seria o demônio mais ocupado do inferno, mas, você pode perceber que seus atos são também feitos, na verdade bem mais feitos, pelo homem e seus conceitos da Sociedade, que são tão cruéis quanto os demoníacos.

O homem, por causa da sua ignorância e influência de todos os demônios juntos, se mostra tão cruel e demoníaco quanto as criaturas infernais. Existe tanta discordância entre a raça humana quanto entre os demônios. Isso vem provar que o homem está cada vez mais sendo levado para junto dos malignos por causa da sua eterna burrice e incrível capacidade de serem persuadidos por qualquer idéia maligna, por mais ridícula que seja. Toda essa estupidez só serve para comprovar que, na luta entre o bem e o mal, a vitória, por enquanto, é do inferno...

Quer publicar seu texto no Morte Súbita inc? Envie para nós.