Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Envie seu texto
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Demonologia Estudos de Demonologia Pedra Verde Manchada de Sangue

Pedra Verde Manchada de Sangue


Fr’.’Adriano Camargo Monteiro

Taça de SanguePara que possa nascer o novo, para que algo possa ser gerado e criado, a destruição deve ocorrer; foi o que aconteceu com a esmeralda de Lúcifer. A pedra da testa de Lúcifer não caiu, exatamente, mas foi dividida e partilhada para que o conhecimento, o entendimento e a sabedoria se manifestasse na Terra. A parte que ficou na testa de Lúcifer representa o aspecto superior do indivíduo iniciado; a parte da pedra na qual foi esculpida a taça luciferiana representa o aspecto anímico, astral/emocional; e a parte que serviu para talhar a Tábua de Esmeralda, segundo o mito hermético, representa o aspecto material do indivíduo, assim como a manifestação do conhecimento na Terra.
    
A taça, chamada de sangreal, que é a pedra verde manchada de sangue, refere-se ao receptáculo do sangue do dragão (Lúcifer, Daimon) ou Pimandro (Pymander, Poimandres), o Dragão de Sabedoria e de Luz. O sangue representa a linhagem sagrada da iniciação luciferiana, ou seja, a encarnação de indivíduos que foram “gestados” em seus receptáculos morfogenéticos no plano astral (a taça, o útero universal), vindos de gerações lux-venusianas, gerações que têm o ímpeto, o impulso e a inquietude interior que os levam a buscar o conhecimento e a sabedoria avidamente quando encarnados na Terra. O sangue do dragão também representa as regiões qliphóticas do universo, os planos interiores subconscientes do iniciado e, alquimicamente, o ácido nítrico que corrói a matéria, ou seja, destrói a ilusão dessas mesmas qliphoth (é o que ocorre quando Lúcifer ativa seu terceiro olho, o brilho da esmeralda de sua testa).

Pimandro também se manifesta de maneira logoica (pela Palavra e pela Luz de sua sabedoria sobre o fundo negro das Trevas essenciais) na Tábua de Esmeralda, tábua que também representa a Terra sob os auspícios de Vênus (Sophia, Shekinah, Shakti), a Sabedoria manifestada e disponível para aqueles que a buscam ardentemente.
 
Adriano Camargo Monteiro é escritor de Filosofia Oculta, Draconismo e de simbologia e mitologia comparadas. É membro de diversas Ordens, possui diversos livros publicados e escreve também para a Revista Universo Maçônico, para o site Morte Súbita, para o Zine Lucifer Luciferax e para blogs pertinentes.

Contatos com autor pelo site: http://www.geocities.ws/adrianocmonteiro


Quer publicar seu texto no Morte Súbita inc? Envie para nós.