Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Demonologia Livros de Demonologia Grimorium Verum Sobre os Espíritos e os Pactos

Sobre os Espíritos e os Pactos


Grimorium Verum

Da Natureza dos Pactos

O estudioso da Grande Arte já foi informado sobre os dois tipos de pactos existentes e agora descobrirá que lendo este pequeno tratado, escrito por mim, será capaz de distinguir um tipo do outro; saiba porém que existem diversos tipos de espíritos aqueles que se comprometem com o operador e aqueles que não, sive minimè {isso se se importarem em se tornar manifestos}. Aqueles que se mostram agradáveis e comprometidos são os que recebem, quando o pacto é realizado, algum objeto pessoal do operador e por este motivo você deve sempre estar em guarda e preparado: quia amicus fiet capitalis fiet inimicus.

Da Natureza dos Espíritos

Com relação aos Espíritos leia com atenção e aprenda. Alguns são Superiores, outros inferiores. Os superiores respondem ao título de Imperadores em comando. São, a saber, Lúcifer, Belzebu e Astaroth. TRES SPIRITUS OMNIA POSSUNT. {Os três espíritos que a todos os outros controlam} Os espíritos inferiores que obedecem a Lúcifer habitam a Europa e a Ásia. Belzebu habita a Africa e é lá que exerce sua autoridade. Astaroth habita as américas. Cada um destes possui dois oficiais chefes que se encarregam de comandar a todos os espíritos subalternos, repassando os assuntos de seus superiores e se certificando de que seja realizado nos quatro cantos do mundo tudo aquilo que seus Imperadores decidam deliberar: "et viceversa iubent quae sunt facienda"

Da Natureza da Forma dos Espíritos, Quando Estes Se Fazem Visíveis ao Operador

Nem sempre os Espíritos se manifestam com uma mesma aparência, à excessão de quando se formam utilizando uma matéria secreta - ab omini materia {se formando de todos os elementos}; por este motivo é imperativo que eles façam o empréstimo de um corpo para que possam se manifestar para aquele que os chama. Assim, não é surpresa para nós que eles assumam a forma ou surjam na figura que mais lhes agradar.

Caveas tamen ne'parescant {mesmo assim deves cuidar para não ser aterroziado por eles}, Lúcifer surge sub forma et figura pulcherrima pueri. Quando irascitur, rubicundus apparet {sob a forma e figura de um lindo menino. Quando irado ele surge rubro}, apesar disso não existe nada de assustador em sua figura.

Belzebu, às vezes, surge sob formas monstruosas, como um bezerro monstruoso ou um bode com uma longa cauda, at tamen saepissimè apparet sub figura muscae {embora apareça com maior frequência sob a forma de uma mosca} de tamanho e grandiosidade extremos, quando irascitur vomit flumidas et hurle sicut lupus {quando irado, vomita fogo e uiva como um lobo}.

Astaroth apparet colore nigro et candido sub figura humana saepissimè et aliquando sub figura asini. {Astaroth se apresenta na forma de uma pessoa negra e gentil; ocasionalmente pode surgir também sob a forma de um asno}

Vede agora os três caracteres de Lúcifer, abaixo de seu pentáculo.

 

Selo de Lúcifer

 

Aqueles que se seguem são os de Belzebu, abaixo de seu próprio pentáculo, e Astaroth.

Selo Lucifer

 

São estes símbolos e pentáculos que devem ser utilizados sempre que o operador desejar estabelecer contato com eles.

Da Arte de Evocar os Espíritos

Quando desejar chamar algum dos espíritos mencionados à sua presença basta chamá-lo usando os caracteres revelados a nós por eles mesmos. Quando desejar obter algo dos espíritos evoque-os da maneira que será ensinada no terceiro livro, aliter frustra laborares (de outra forma seu trabalho será realizado em vão).

Quer publicar seu texto no Morte Súbita inc? Envie para nós.

Conteúdo relacionado