Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Envie seu texto
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Magia do Caos Rituais Caóticos O Oráculo do Caos

O Oráculo do Caos

Um exercício do Cálice, para complementar o trabalho da Baqueta e da Espada.

O candidato pode eleger assumir os deveres de um Oráculo do Caos por um período de tempo de sua própria escolha. Possíveis motivações incluem:

Experimentação e melhoria das habilidades de divinação mágica.

Trabalho intensivo na iluminação pessoal.

Caminho auxiliar para a invocação do Pandæmonæon.

Dar direção e auxílio para aqueles que tiverem necessidade, como você quiser.

Durante o período Oracular, o candidato deve à todo momento segurar um "Cálice Mágico", que para este propósito é o termo simbólico do instrumento de divinação escolhido (i.e., cartas de Tarot, runas Nórdicas, espelho mágico, entranhas de um bode). Se o sistem

divinatório utilizado não requerer ferramentas físicas especiais (i.e., quiromancia, numerologia, geomancia), então o candidato deve possuir uma taça mágica simbólica ou uma bola de cristal que deve estar exposta enquanto a divinação é performada.

A Astrologia é considerada inaceitável como um sistema divinatório para o Oráculo.

Todo ato sexual realizado durante o período Oracular deve ser imediatamente seguido pela realização de uma divinação, preferivelmente para a iluminação pessoal.

O candidato deve manter um diário durante o período Oracular, no qual os resultados de todas as divinações realizadas devem ser atentamente anotadas. Quaisqu

r manifestações de predições devem também entrar nele, mesmo se manifestadas após o período Oracular haver terminado. O candidato também deve manter uma anotação diária de todos os sonhos, que devem ser anotados imediatamente após acordar.

O candidato pode escolher observar um dos três modos: o Menor, Maior ou Extremo

As Observâncias Menores:

- Carregar consigo o Cálice Mágico à todo momento, inclusive enquanto estiver dormindo;

- Realizar um ritual do Raio Gnóstico ao acordar e ao se deitar;

- Realizar uma divinação para si mesmo diariamente;

- Realizar outra divinação seguindo qualquer ato sexual;

As Observâncias Maiores:

- Todas as observâncias menores;

- Realizar uma divinação adicional para outra pessoa diariamente;

As Observâncias Extremas:

- Todas as observâncias maiores;

- Interromper o sono em aproximadamente dois-terços no período regular de sono (durante o período de "sonhar") para realizar uma terceira divinação para si mesmo para o propósito de iluminação pessoal.

- Antes de iniciar as Observâncias, o candidato deve fazer ou procurar um novo e especial "portador" (i.e., caixa, bolsa, embrulho de pano) para o Cálice Mágico, sobre o qual o candidato deve realizar um juramento sobre o modo e a duração do Período Oracular. Já que marcar uma ferramenta divinatória não é aconselhável ou formal, o portador pode marcado com números que denotem o modo e a duração de um Período Oracular afortunado (da mesma maneira que o Bastão do Monaticismo Caótico), ou destruído em caso de falha.

Notas:

Qualquer magista praticante não-versado em alguma forma de divinação, está negligenciando uma importante parte de ser um magista. Entretanto, faz o que tu queres. Para aqueles sem treinamento divinatório, o sistema do I Ching tem mostrado resultados significativos. O candidato deve ler e compreender as designações de "Imagem" e "Julgamento" para cada um dos 64 hexagramas antes de iniciar o Período Oracular.

O I Ching é também satisfatório para o uso como um sistema secundário em conjunto com outro, especialmente para divinação de auto-iluminação.

 

Quer publicar seu texto no Morte Súbita inc? Envie para nós.

loading...