Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Magia Sexual Textos Sexuais O Chi Kung do Sêmen e do Ovário

O Chi Kung do Sêmen e do Ovário


Ely Britto

Este artigo é dirigido às pessoas que querem se responsabilizar pela sua qualidade de vida, seu bem estar, sua saúde, sua longevidade e seu equilíbrio emocional. Podemos administrar nossas energias e equilibrar nossa saúde. Aqui você saberá como.

O corpo humano é um organismo, e como todo organismo precisa de energia e de uma interação entre as funções dos principais órgãos para funcionar bem. Perdemos energia a todo instante e precisamos repô-la se pretendemos continuar saudáveis e vivos. O ser humano retira a energia que precisa repor: dos alimentos e da àgua: metabolizados pela digestão do ar: metabolizado pelos pulmões do sol e das partículas cósmicas: absorvidos pela pele.

Sabe-se que o homem atual retira 90% de sua necessidade de reposição de energia dos alimentos e da água. Apenas 10% ele retira do ar, do sol e das partículas cósmicas. Sabe-se também que já houve um tempo onde os homens recuperavam sua energia usando um conhecimento que lhes permitia retirar 90% desta energia do ar, do sol, do próprio corpo e das partículas cósmicas e 10% dos alimentos. Sabemos que os antigos caçavam para comer, então comiam menos do que os homens modernos e também sabemos que viviam muito mais tempo do que nós. Mas de que espécie de energia estamos falando? Existem tantas qualidades diferentes de energia a nossa volta que neste ponto precisamos conceituar qual o tipo de energia que podemos administrar
para cuidar de nossa saúde.

A Física Teórica afirma que toda matéria é energia, que não podemos destruir energia, podemos esgotá-la ou transformá-la. Há milhares de anos atrás uma outra cultura faria estas mesmas afirmações. A cultura e a Medicina Chinesa, há milhares de ano vem estudando energia, mapeando suas rotas pelo corpo e descobrindo suas aplicações terapêuticas. Eles estudaram uma forma de energia que chamaram de Chi, ou energia vital, a mesma que a Acupuntura trabalha. A medicina ocidental já reconhece a acupuntura como terapia alternativa.

A palavra mais correta para denominar esta energia seria o bio-eletro magnetismo. Nosso tempo de vida e nossa saúde dependem do seu fluxo e da nossa capacidade de repô-la. Os meridianos mapeados pelos chineses e utilizados pela acupuntura, são algumas das rotas percorridas por este fluxo de energia vital ou Chi. Porém, existem rotas especiais no nosso corpo conhecidas pela Medicina Chinesa, mas que não podem ser manipuladas pelas agulhas. A técnica para abrir estas rotas e ensinar a multiplicar esta energia foi mantida em segredo por milhares de anos na China.

Este conhecimento era passado de pai para o filho escolhido e transmitida oralmente através dos milênios. Somente o Imperador e sua corte tinham acesso a estas técnicas. Há 20 anos atrás o analista de sistemas Mantak Chia, recebeu estes conhecimentos de seu mestre e a permissão de ensiná-la no ocidente. Chinês radicado na Tailândia, mudou-se para os Estados Unidos onde ensinou estas técnicas com sucesso a milhares de pessoas e fundou a Organização International Healing Tao com sede em vários países do mundo.

Estas técnicas são um conjunto de exercícios simples, que ensinam; a transformar a energia sexual, a acasalar os polos de energia Yin e Yang no próprio corpo, sutiliza-la, resfriá-la, equilibrá-la e circular esta energia transformada pelos meridianos especiais depois de abertos e desbloqueados; a captar energia cósmica e a energia disponível na natureza. Os princípios destes exercícios afirmam que a maior energia gratuita disponível no organismo humano é a energia criativa sexual. Esta energia é tão poderosa que gera  vida.

Todos os órgãos do nosso corpo cedem parte de sua energia vital ou Chi para a função reprodutiva. Esta energia é então utilizada pelo óvulo e o esperma para gerar o feto.

Quando nosso propósito não é gerar crianças e sim, sentir prazer, toda esta energia é desperdiçada. O segredo desta técnica é separar o prazer da ejaculação no homem, e na mulher, retirar dos ovários a energia que seria utilizada na fabricação dos óvulos e circulá-la pelas rotas ou meridianos especiais. O homem aprende a usar a energia armazenada nos seus órgãos reprodutivos e a mulher a usar a energia dos ovários. Toda a força desta energia extra é então circulada pelos meridianos do corpo nutrindo e fortalecendo o sistema imunológico e o cérebro. Se comemos para suprir nosso corpo de energia e nos exercitamos buscando o mesmo resultado porque não podemos usar exercícios adequados e eficientes para nutrir o sistema biológico diretamente desta energia?

Isto é possível? As milhares de pessoas que a estão praticando em todo mundo e os 5.000 anos de cultura  chinesa, afirmam que sim.

O primeiro passo é aprender que o prazer sexual não acontece nos órgãos genitais e  sim, no cérebro, sendo os genitais apenas receptores, as glândulas os emissores dos impulsos nervosos que chegam até o cérebro e ali são traduzidos como prazer.

O segundo passo é aprender como tudo isto acontece no corpo: quais são os músculos que são ativados, qual a função de cada glândula, e como podemos  administrar o que antes era um processo inconsciente: o corpo fazia e assistíamos a tudo quase sem interferir.

O terceiro passo é compreender que muitas das informações que recebemos sobre a função sexual, é incorreta ou incompleta. Estas crenças nos informam que mulher que não menstrua está doente, o homem que não ejacula precisa se "livrar" do excesso de energia porque o esperma se acumula e pode causar danos se não for expelido. Os milhares de homens e mulheres que estão praticando esta técnica em todo mundo e que gozam de excelente saúde, nos indicam serem estas informações incorretas. Sabe-se que atletas em treinamento, naturalmente deixam de menstruar porque o organismo usa toda a energia disponível do corpo para melhorar sua performance física.

O quarto passo é separar 20 minutos de seu tempo para experimentar os exercícios e ver o que acontece com o seu corpo. Os resultados são muito rápidos. A técnica simples. A melhor prova é aquela que percebemos no próprio corpo. Uma das etapas da técnica ensina a identificar emoções, negativas e positivas e a transformá-las. Nesta fase aprendemos a sorrir internamente e a resfriar os órgãos através de uma desintoxicação dos resíduos acumulados pelas emoções negativas. As emoções negativas ou positivas podem afetar a saúde prejudicando-a ou fortalecendo-a

A energia sexual e a emocional, resfriadas e transformadas em energia vital é o instrumento de reposição de energia no organismo e a conseqüente cura de inúmeras disfunções na área sexual, emocional, mental e fortalecimento do sistema imunológico do corpo. A técnica ensina a usar uma musculatura antes nunca usada, a identificar os pólos opostos e complementares Yin e Yang no corpo, a conhecer a função dos órgãos e das glândulas, a administrar estas funções para gerar energia vital, a respirar de uma forma nova e eficiente. A usar o poder de sua mente e respiração para circular esta energia extra pelos meridianos especiais do corpo.

Os Benefícios:

  • Independência total de mecanismos externos na gestão de sua saúde
  • Vitalidade, disposição, energia e rejuvenescimento
  • Prevenção e cura de diversas doenças crônicas ou de ordem sexual
  • Prazer, alegria e felicidade de viver
  • Clareza mental
  • Saúde e Longevidade




Quer publicar seu texto no Morte Súbita inc? Envie para nós.