Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Envie seu texto
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Mindfuckmatica Contas Apócrifos Erisianos Apócrifo II - B2by ST3ps

Apócrifo II - B2by ST3ps


por LöN Plo

E o que seria a magia? Não a chave, mas a porta arrombada? A única opção ao pasto?

São 17 passos para o poder, 23 para a emancipação, 72 para a divindade. 3 para atravessar a parede de concreto.

A magia não é a vontade posta à prova, mudanças causadas pelo esforço, não é a mente controlando a matéria. É o oposto, é a falta de controle, e mudar a polaridade do núcleo de átomos, é saber porque Em Deus Confiamos! É saber o que realmente advém do laudare! To trust is better que louvar? A queda é maior.

Magia não é erguer um pais em alguns anos, exterminando a oposição. É fazer o pintor frustrado acordar gritando de noite, assustado como uma criança.

23 passo para a Magia:

- Duvide de tudo, especialmente de você mesmo/a. Duvide da noção de tempo, da direção que ele parece seguir. Duvide daquilo que acha que gosta, daquilo que te causa repulsa.

A verdade é uma camisa de força, é descobrir que existe apenas uma direção a se seguir, que existe algo pelo qual vale a pena morrer. Pegue a verdade e a enfie no rabo do seu salvador pessoal, especialmente se ele for você.

Como começar a duvidar? Simples, pegando todos os seus valores e se livrando deles, não se tornar um amoral, mas simplesmente deixar de lado. Como algo que te enjoa e tente sentir o gosto real daquilo. Dê uma volta sem roupas no quarteirão, apenas para ver como se sente. Ofenda alguém que não tem como se defender, ofenda alguém do qual você não pode se defender. Assalte um banco e rasgue o dinheiro, deixe que os pedestres brinquem com o quebra cabeças.

Pegue a sua existência e o papel que você acha que tem no mundo e enxergue do avesso, se torne cristão por uma semana. Se torne ateu, se torne homossexual. Para cada vitória marque o seu próprio corpo com uma navalha, escreva em você um poema sobre seu caminho. Se torne um guia em braile, e sorria sempre que lhe disserem bom dia.

L.


Quer publicar seu texto no Morte Súbita inc? Envie para nós.