Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Envie seu texto
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Bruxaria Textos Pagãos O Herbologista Marginal Erva do Diabo:Projeção Astral

Erva do Diabo:Projeção Astral

Datura stramoniumNome Científico: Datura stramonium

O nome Datura tem origem árabe "dháttatorah", que traduzindo significa poção entorpecente. Na índia as prostitutas malignas derrubavam seus clientes com um preparo desta erva para então roubá-los.  Os chineses a utilizam em uma mistura feita de partes iguais da erva o diabo com maconha que são então secos e pulverizados e misturados com vinho. Essa mistura é um poderoso narcotico anestésico com o qual até amputações e cauterizações podem ser feitos com pouquíssima dor. No norte da américa a erva é usada pelos índios algonquinos como uma poção amnésica. As crianças a tomam em um ritual de pa

sagem que resulta em loucura temporária e completa perda da memória. Quando o jovem volta a si ele começa a vida adulta esquecendo sua fase de criança. Entretanto o uso que destacaremos neste manual é mais prático para o estudante de magia.

Uso mágico

 

A Datura stramonium pode ser usada como um solvente que descola o corpo da mente, ou em outras palavras, que promove a "Projeção Astral". As folhas devem ser fumadas como descrito por Castanheda em "A Erva do Diabo". Trata-se de uma planta extremamente tóxica e menos de duas gramas devem ser consumidas por seção semanal.

Para um melhor aprov

itamento de sua projeção é recomendado jejum no dia anterior ao experimento assim como a abstenção de alcool e outras drogas.  Em um lugar tranquilo e sem perturbações fume um rolos grandes de 1 grama da erva do diabo. Deite-se então e desfrute da experiência de deixar sei corpo para trás e nadar na realidade.

Alerta: Nunca coma a erva nem beba nenhum extrato ou solução de Datura stramonium. Ela pode causar danos permanentes ao coração e matar. Além disso uma tolerância é formada pelo corpo que passa exigir doses cada vez maiores para conseguir o mesmo efeito. Isso pode ser fatal.

O Herbologista Marginal

Conteúdo relacionado