Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Envie seu texto
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Satanismo Rituais Satânicos Urna de Belial

Urna de Belial

Interessado no caminho da sombra? Conheça Lex Satanicus - o manual do satanista

Urna de BelialA Urna de Belial é uma técnica que desenvolvemos dentro do Templo de Satã em meados de 2005 e provou-se uma importante engrenagem para funcionamento interno do grupo e sucesso material de seus membros. Possivelmente é algo que também foi desenvolvido em outros grupos e mesmo em outras escolas diferentes do satanismo. Não se trata neste caso de uma nova técnica mágica mas sim de uma simples metodologia para organizar a prática mágica dentro de um grupo e beneficiar todos os que merecem ser beneficiados.  Relato a seguir o procedimento para que outros Templos e grupos possam utilizar.

A ideia por trás da Urna de Belial é que o egoísmo pode

m muitos casos ser usado como uma motivação para o bem comum. Essa aparente contradição se esclarece quando lembramos que nosso próprio trabalho, seja ele qual for, é o resultado de um esforço para outra pessoa em troca  de algo que desejamos, em geral dinheiro.  Um templo satânico existe porque os satanistas desejam:

 

1. ter contato com um círculo de pessoas como eles,

2. ter acesso a um ambiente para se desenvolverem na alta e baixa magia

3. realizar seus objetivos pessoais e

4. se divertir


A Urna de Belial cumpre estes quatro objetivos.

Todo mundo tem problemas que gosta

ia de ver resolvidos e/ou desejos que gostaria de ver realizados. Partindo desta premissa cria-se uma estrutura na qual todos trabalharão em prol de um objetivo em comum. Cada membro que deseja participar das operações entra em contato com quem esta organizando a Urna, em geral algum sacerdotes do templo e lhe entrega por escrito uma petição. Essa petição conta de modo breve o desejo que gostaria de ver realizado e pode ter haver com qualquer aspecto da vida que a pessoa realmente gostaria de prosperar. Ela pode ser de qualquer natureza: saúde, emocional, material, vingança, enfim, qualquer situação que a pessoa decidiu tomar as rédeas ou problema que a pessoa possa ter e sempre queria resolver.

Se não for nada absurdo o que comprometa o Templo um papel com o nome do membro é colocado dentro da urna. No caso do Templo de Satã a Urna de Belial é algo físico, mas não há uma real necessidade de ser assim. O bauzinho de madeira negra com de nomes pode ser facilmente substituído por algum tipo de recurso digital.

O templo se organizava então para que todos início de mês um destes nomes seja sorteado. Quando um membro é selecionado ele então tem a chance de expor seu desejo a todos. Os participantes são liberados para fazer qualquer tipo de pergunta que quiserem e o escolhido deve responder francamente. O grupo de todas as pessoas participando da Urna de Belial então se comprometerá a resolver a questão levantada dentro da petição no período de um mês.

Em alguns casos o problema pode ser resolvido logo no mesmo dia, durante as perguntas ou logo após a sessão. Mas muitas vezes não é este o caso. Assim para que as coisas fiquem bem claras e possa haver um controle preciso dos resultados a petição do membro deve ser declarada de forma mensurável e objetiva. Ou seja, deve se declarar algo como "Eu estarei satisfeito quando____________." sendo o mais preciso que puder. Por exemplo, um desejo por riquezas deveria ser expresso como "Eu estarei satisfeito quando ganhar 10 mil reais por mês." um desejo de luxúria deveria ser igualmente claro "Eu estarei satisfeito quando Patrícia chupar meu pau." e assim por diante. Isso é importantíssimo mesmo em trabalhos individuais, pois só assim driblamos o subjetivismo de fracasso e a auto-ilusão de sucesso.

O grupo então se compromete na solução deste problema usando todos os meios que cada membro possui. Incluindo contatos, recursos pessoais, influência social ou quaisquer outros artifícios de alta e da baixa magia ou de ambas dependendo do caso.

Na Alta Magia, os membros se dedicarão pelo menos a um dos três rituais satânicos de Compaixão, Destruição ou Luxúria, tais como descritos na Bíblia Satânica. O ritual deve ser feito coletivamente na semana seguinte a petição. Além disso, esta pode ser uma oportunidade das pessoas se fortalecerem e aprimorarem suas técnicas. Dependendo do caso um mebro pode sugerir um ritual diferente ou uma prática mágica adicional para a problemática em questão.

Na Baixa Magia, os membros devem se dedicar a discussão aberta do problema com pelo menos uma reunião por semana, sem moralismos que tentem discriminar ou julgar o autor da petição. Assim colaborações podem ser feitas na forma de conselhos, indicando oportunidades ou oferecendo ajuda de outros tipos, seja, material,política, psicológica, etc... É muito importante que todos os participantes estejam dedicados pois além de ser uma forma de desenvolverem a si mesmos como solucionadores de problemas, a petição de cada um poderá ser sorteada numa ocasião seguinte.

Não existe aqui espaço para fracasso nem deve ser considerada a possibilidade de desistência. Enquanto o desejo não for realizado outro não será sorteado. Dai a relevância do organizador da Urna ou sacerdotes do templo passarem cada petição pelo crivo do Fator de Equilíbrio antes de colocá-lo para ser sorteado. Caso o sucesso não tenha sido alcançado em um mês o grupo deve se auto-avaliar e tomar as devidas providências.

Tendo por fim solucionado seu problema, ou realizado seu desejo, o membro então agradece ao templo oferecendo algo em retorno de modo a criar cumplicidade entre irmãos. Abaixo algumas sugestões de como um irmão ou irmã pode agradecer ao Templo, após passar pela urna de Belial:


  • Um jantar ou confraternização.
  • Um Ritual Pessoal de dedicação a egrégora do grupo.
  • Uma oferta ao Templo, como livros para a biblioteca, etc..
  • Uma obra de arte.
  • Um presente a ser sorteado ou oferecido ao irmão ou irmã que mais lhe ajudou

Enfim, a natureza de como este retorno será feita deve ser absolutamente pessoal, sem imposições e decidida unicamente pelo indivíduo. Os demais membros não devem participar esperando ser premiados depois, seus prémios serão sempre seu desenvolvimento pessoal e sua chance de ser escolhido no próximo sorteio. A Urna de Belial é uma pratica simples que usa o egoísmo do satanista para o bem do grupo e é essencial para desenvolver um ambiente fraterno, como também é um exercício prático de vivência satânica.

Este egoísmo, quando bem usado é a mola propulsora do ser humano, relaciona-se totalmente com o amor-próprio natural, sadio e responsável, por conseguinte seria similar a um feixe de varetas, que, unidas pelo mesmo fim, não podem ser quebradas e logram atingir seu objetivo.

Morbitvs Vividvs