Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Sociedades Secretas & Conspirações Maçonaria Dicionário Secreto da Maçonaria L

L


Dicionário Secreto da Maçonaria

Lágrimas Brancas - Saudades.

Landmarks – São princípios imutáveis, que determinam todas as Leis que governam a Ordem.

Latitude – Os “Supremos Conselhos” do R\E\A\A\, determinam onde se situam suas sedes, sobre o globo terrestre; para datar seus documentos, indicando a longitude e latitude onde se situam.

Leão - Símbolo da força e do poder, é o nome de uma das constelações do zodíaco. Aparece no R\E\A\A\ muitas vezes, principalmente no Grau “20”, como símbolo da discrição, e no Grau “27” como guardião das chaves misteriosas; valor.

Lebre – Timidez.

Leo Taxil – Jornalista e farsante francês, que não conseguindo entrar para a Ordem, passou a atacá-la, por livros e artigos, relacionando-a como o culto “Bafomet”, ou seja, ao “diabo”.

Leste – Dentro do Templo, é o lado esquerdo, de quem do Oriente olha o Ocidente ou o Sul.

Levantar Colunas – Diz-se quando se funda uma Loja, ou quando se reativa os trabalhos de uma Loja adormecida.

Lira - Símbolo da música. É a jóia do Irmão encarregado da música, durante as Sessões de uma Loja.

Livre e de Bons Costumes – É a qualidade que deve ser inerente a todos aqueles que desejam ser Maçons. No passado, “ser livre”, queria dizer: não ser escravo. Modernamente quer dizer: não estar preso a preconceitos.

Livro da Lei Sagrada – (Ver Bíblia).

Livro de Arquitetura – Livro especial para registro de balaústre das Sessões Maçônicas.

Livro de Presença – Livro para tomada de assinaturas dos Irmãos, presentes às Sessões de uma Loja. Cada Loja deve possuir dois livros de presença: um para os Irmãos do quadro, e o outro, para os visitantes.

Livro Negro – Assim é chamado o registro dos profanos, recusado por uma Loja; e aos Maçons que por qualquer motivo, sejam eliminados da Ordem.

Liz – Candura.

Lobo - Crueldade.

Loja – São chamadas as reuniões dos Maçons, quando regularmente reunidos dentro dos Templos. (Ver Loja Aberta).

Loja Aberta – Diz-se de uma Sessão de Loja, quando regularmente aberta de acordo com o Ritual, e com a presença de no mínimo de sete Irmãos.

Loja de Perfeição – É a Câmara do R\E\A\A\, que confere os Graus Filosóficos (do Grau “4 ao 14”). A localidade onde trabalha uma Loja de Perfeição tem tratamento de “Vale”. A exemplo de um “Sublime Capítulo”, que também é denominado “Vale”, o lugar onde trabalha.

Loja Irregular – É uma Loja formada por Maçons, que transgridem as “Leis Maçônicas”, mas que trabalham sem estarem subordinadas a uma Potência Maçônica Regular.

Loja Mãe – É a Loja na qual o Maçom foi Iniciado.

Loja Simbólica – É a primeira Câmara do R\E\A\A\, que tem a responsabilidade de iniciar Candidatos nos “Mistérios Maçônicos”. Elevá-los ao Grau “2” e Exaltá-los ao Grau “3”.

Lojas da Correspondência – Lojas subordinadas a uma Potência, que trabalham regularmente.

Lojas de Adoção – São as Lojas Maçônicas de senhoras, que se estabeleceram na França em 1772. No Brasil, já existem essas Lojas, e até um “Grande Oriente Feminino”, que não é oficialmente Maçonaria Feminina.

Lojas de Instrução – É a Loja quando reunida para estudo das coisas Maçônicas.

Lótus - Planta sagrada, para muitos povos do passado principalmente na Índia. É a principal flor adotada como símbolo pelo “Rito Adonhiramita”.

Louro - Para os gregos foi à “planta sagrada” símbolo da vitória e do triunfo, ainda hoje é usada para a confecção de coroas que cingem os vencedores de provas esportivas. Em Maçonaria aparece em muitos símbolos, principalmente em “estandartes”. Recompensa do Mérito.

Lua - É considerada como “símbolo do princípio feminino do universo”, constância e regularidade.

Luvas – Candura. As brancas, usadas nos Graus Simbólicos, constituem no símbolo da pureza. Variam de cor nos diversos Graus Filosóficos do Rito Escocês Antigo e Aceito.

Luz - Simbolicamente se recebe de uma Loja, durante a cerimônia de Iniciação. Significa a verdade ou o conhecimento de todas as virtudes.

Luzes – Luzes de uma Loja são: o Venerável, os dois Vigilantes, o Orador e o Secretário.

Luzes Inanimadas – É o livro da “Lei Sagrada”, o Compasso e o Esquadro.

Luzes Materiais ou Litúrgicas – São as que servem para iluminar os Altares de uma Loja.

Luzes Místicas – São em números de três que devem circundar o Altar do Juramento.

Lowtons – Filho de Maçom, adotado por uma Loja Regular, que se incumbe da instrução e sustento do mesmo, até que se torne maior de idade.


Quer publicar seu texto no Morte Súbita inc? Envie para nós.