Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Sociedades Secretas & Conspirações Textos Conspiracionais Nazi-Esoterismo: crenças e Magia no Reich de Hitler

Nazi-Esoterismo: Crenças e Magia no Reich de Hitler


Ligia Cabús

naziesoterismoDurante e depois da Segunda Guerra o mundo inteiro comentava, entre revolta e terror, os crimes hediondos cometidos pelo 3º Reich, sob a liderança de Hitler. Crimes que os nazistas ousavam tentar justificar como mediada higiênica de limpeza étnica, purificação racial e proteção da única e verdadeira Humanidade; a Humanidade ariana, dos louros, traços finos e olhos azuis. Na época, o grande público pouco ou nada sabia dos fundamentos esotéricos da ideologia nazista.

Falava-se muito superficialmente dos mitos nórdicos: sua cosmogênese, seu panteão de deuses e heróis, lendas, como inspiração, e somente inspiração, para a teoria do arianismo.

Porém, havia muito mais que mitologia e folclore alimentando os projetos da cúpula nazista. A febre de interesse no ocultismo, que começou na segunda metade do século XIX e prolongava-se século XX adentro, o modismo que dominava os salões e os círculos intelectuais do Ocidente ─ na Alemanha, transcendeu a esfera do divertimento vespertino, do pensamento filosófico, histórico ou religioso.

Na Alemanha, o ocultismo, em seus aspectos mais sombrios, encontrou terreno fértil para se desenvolver e ser  ativamente praticado! entre os agentes políticos, militares e pensadores do nacional-socialismo. Ali, pessoas aparentemente sérias, equilibradas, acreditaram que poderiam atuar na esfera pública mundial auxiliados por rituais de magia negra.

Vejamos agora em detalhes as diversas idéias e práticas ocultistas que forjaram o império nazista.

Índice


Introdução:

Realismo Fantástco:

Nazismo, Satanismo e Maga Negra:


Estranhas influências:

Neo-nazismo esotérico:
Anexos:

Quer publicar seu texto no Morte Súbita inc? Envie para nós.