Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Envie seu texto
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Thelema Rituais Thelemitas A Recrucificação de Jesus

A Recrucificação de Jesus


Aleister Crowley

Caco o cristoO texto abaixo faz parte do trabalho de Soror Nanay, em organizado por Frater S.R em cima da operação ensinada por Crowley no Liber 70. Trata-se de uma prática de magia cerimonial avançada, que dificilmente será entendida pelo iniciante, por usar entre outros ardis o polêmico sacrifício animal, em seguida consumido como sacramento. Trata-se de um proceder multi-propósito, mas o seu principal objetivo é aniquilar completamente o cristianismo de uma pessoa. 

No caso de Crowley ele julgou necessário este procedimento por causa das fortes impressões cristãs que adquiriu durante seu trabalho com tiphareth. Segundo seus diários ele não saiu de seu quarto por alguns dias tamanho o impacto pelo qual passou.

Além disso esta é também uma operação adequada a criação de uma espírito servidor de natureza mercurial que pode ser usado pelo mago para diversos fins. Estas mesmas operações podem ser encontradas de maneira velada no Apocalipse de São João.

O fato do ritual envolver um sacrifício animal causa naturalmente polêmica. Podemos dizer sem medo que com um pouco de criatividade a rã pode ser substituida por algum objeto inanimado. Ma seria desonesto afirmar que o impacto emocional permaneceria o mesmo.

Neste Ritual o Oficial Principal representa uma Serpente, por causa do Mercúrio (a comida adequada de serpentes são rãs). O mistério de concepção é o capturar da rã em silêncio, e a afirmação da vontade para executar esta cerimônia. 

A Captura

A rã que é pega é mantida toda a noite em uma arca ou cofre; é escrito:

'Tu não foste encolhido no útero da Virgem`

Em seguida a rã vai começar a saltar naquela circunstância, e este é um presságio de sucesso. Aproximando-se o amanhecer, tu deverás te aproximar do cofre com uma oferenda de ouro, e se disponível de incenso e de mirra. Tu deverás soltar a rã então do cofre com muitos atos de homenagem e coloca-la em liberdade aparente. Por exemplo, ela pode ser colocada em uma colcha de muitas cores, e coberta com uma rede.

Agora leve uma vasilha de água e aproxime a rã e diga:

`No Nome do Pai e do Filho e do espírito Santo (aqui burrifique água em sua cabeça) eu batizo-vos, ó criatura das rãs, com água, pelo nome, de Jesus de Nazaré.`

Durante o dia tu deverás aproximar-te da rã sempre que conveniente, e falar palavras de adoração. E tu deverás pedi-la que execute aqueles milagres que tu desejas que seja feito; e eles serão feitos de acordo com vossa vontade. Também tu deverás prometer à rã uma elevação que seja adequada a ela; e tudo isso enquanto tu secretamente estarás esculpindo uma cruz para crucificá-la.

A Acusação

Ao cair da noite, tu deverás prender a rã, e a acusar de blasfêmia, sedição e assim sucessivamente, nestas palavras:

Faze o que tu queres há de ser tudo da Lei. Ó, Jesus de Nazaré, como vós fostes pega em minha armadilha. Em toda minha vida vós me infestastes e me enfrentou. Em vosso nome - com todas as outras almas livres na Cristandade - eu foi torturado em minha juventude; todas as delícias foram proibidas sobre mim; tudo aquilo que eu tive foi levado de mim, e queé devido a mim eles não pagam - em vosso nome.

Agora, afinal, eu vos tenho; o Deus-escravo está em o poder do Senhor da Liberdade. Vossa hora chegou; como eu vos destruo desta terra, tão seguramente deverá o eclipse passar; e a Luz, Vida, Amor e Liberdade serão mais uma vez a Lei da Terra.

Dê teu lugar para mim, ó, Jesus; Vosso Aeon é passado; a Idade de Hórus surgiu pela Magick do Mestre, a Besta que é o Homem; e o número dele é seiscentos e sessenta e seis. Amor é a lei, amor sob vontade.

Após um momento de pausa, concluí-se a acusação:

Eu, To Mega Therion [A Grande Besta], então condeno a vós, Jesus o Deus-escravo, a ser escarnecido e cuspido, açoitado e então crucificado.

A Crucificação

Esta sentença é executada então. Depois do escarnecer na Cruz, diga assim: Faça o que tu queres há de ser o todo da Lei. Eu, a Grande Besta, vos matando, Jesus de Nazaré, o Deusescravo, sob a forma desta criatura das rãs, abençôo esta criatura no nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo.

E eu assumo sob mim mesmo e pego a meu serviço o espírito elementar desta rã, para estar sobre mim como um espírito em prontidão, entrar adiante na terra como um guardião para mim no meu trabalho para a Humanidade; aqueles homens que podem falar de minha devoção e de minha gentileza e de todas as virtudes; traga a mim amor e assistência em todo as coisas materiais, de qualquer modo, onde eu possa estar em necessidade.

E esta será sua recompensa, estar ao meu lado e ouvir a verdade que eu dissemino, sobre a falsidade com a qual enganam os homens. Amor é a lei, amor sob vontade.

Então tu deverás apunhalar a rã no coração com o Punhal da Arte, dizendo: Em minhas mãos eu recebo vosso espírito.

O Sacramento

Presentemente tu deverás pegar a rã da cruz e dividi-la em duas partes; as pernas tu deverás coze-las e comer como um sacramento para confirmar vossa união com a rã; e o resto tu deverás queimar totalmente no fogo, para que o Aeon do amaldiçoado finalmente seja consumido. Assim seja!


Quer publicar seu texto no Morte Súbita inc? Envie para nós.