Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Thelema Rituais Thelemitas Liber HHH: o Livro das três Mães

Liber HHH: o Livro das três Mães


Aleister Crowley

3maes.jpg"............................................, esses desatando os pés de Osíris, para que o Deus flamejante possa rugir pelo firmamento com sua lança."
- Liber Lapidid Lazuli VII : III

Este trabalho deve ser atecedido por trabalhos menores baseados em suas partes, isto é, a seção um e dois devem ser dominadas primeiro, então, adicionando a três e a quatro e por aí vai.

É um excelente trabalho a ser feito no contexto da magia sexual Delta e portanto um trabalho Alfa na seção oito é um bom adjunto, os sons experimentados são signos da força da Kundalini ascendendo. Enquanto o signo da seção 15 é qualquer signo que simbolize sua experiência pessoal do Eu Verdadeiro.

O Deus IAIDA referenciado é tomado das chamadas enochianas, podendo ser substituído por qualquer deidade adequada, uma como Kali é uma boa idéia.

O Ritual:


0. Senta-te em teu Asana, ou deitado em Shavasana ou na posição do Buddha moribundo.

1. Pensa em tua morte, imagine as várias doenças que podem atacar-te ou acidentes que possam surpreender-te. Visualize os processos de morte, aplicando-os a ti.

(Uma preliminar útil é ler livros de patologia e visitar museus e salas de dissecação.)

2. Continue esta prática a menos que a morte seja completa.

Siga o cadáver através dos processos de embalsamamento, embrulho e funeral.

3. Agora visualize um sopro divino entrando pelas narinas.

4. Depois, visualize uma luz divina entrando pelos olhos.

5. Agora, visualize uma voz divina despertando os ouvidos.

6. Agora, visualize um beijo divino fixado nos lábios.

7. Depois, visualize a energia divina informando os nervos e músculos do corpo, e concentre no fenômeno que já terá sido observado no 3, a restauração da circulação.

8. Por último, visualize o retorno do poder reprodutivo e empregue-o para a impregnação do Ovo de luz no qual o homem é banhado.

9. Agora representa para ti mesmo que esse ovo é o disco do Sol, assentado no oeste.

10. Deixe-o mergulhar na escuridão, transportado na barca do céu, sobre as costas da vaca sagrada, Hathor. E pode ser que tu suportes os gemidos disso.

11. Deixe-o tornar-se mais negro que toda negritude e nesta meditação tu deves estar se medo, pois a Negritude que aparecerá diante de ti é uma coisa pavorosa além de toda a compreensão.

E deverá vir a passar se tu realizares bem e adequadamente essa meditação, tu ouvirás o zumbido e o estrondo de um besouro.

12. Agora então deve a escuridão passar e com rosa e ouro deves tu ascender no leste, com o grito de um falcão ressoando em teu ouvido. Alto será e estridente.

13. Ao final tu deves ascender e parar no meio do céu, um globo de glória e daí deve surgir o poderoso som que os homens sagrados têm ligado ao rugido de um leão.

14. Então tu deves retirar-te da visão, juntando-te à divina forma de Osíris sobre seu trono.

15. Então tu deves repetir audivelmente o grito de triunfo do Deus renascido, como foi dado a ti por teu superior.

16. E sendo isto feito tu poderás adentrar novamente a visão e daí ser aperfeiçoado em ti.

17. Após isto tu deves retornar ao corpo e dar graças ao mais alto Deus, IAIDA, e ao ainda mais alto Deus, IAIDA.



Quer publicar seu texto no Morte Súbita inc? Envie para nós.