Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Envie seu texto
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Ufologia Textos Ufológicos Eram os Deuses Astronautas?

Eram os Deuses Astronautas?


Erich von Däniken

deusesastro.jpgO suíço Erich von Daniken se tornou uma das grandes celebridades da década de 1970 quando, inspirado por alguns enigmas históricos, publicou o livro Eram os Deuses Astronautas?

Após ler escritos indianos antigos que relatavam histórias de seres vindos do espaço em máquinas de fogo em meio a núvens de fumaça e ruídos, Däniken começou a se questionar: se nossos antecedentes mencionavam esses seres estelares que nos visitavam como não sendo deuses, o que seriam então?

Em 1966 ele publica seu primeiro livro, este que a Morte Súbita Inc. apresenta agora na íntegra para você, onde se aventura a responder aquele primeiro questionamento. Este livro se tornou uma obra de importância monumental, foi o primeiro livro a apresentar a teoria de que a Terra tem sido visitada desde tempos imemoriais por alienígenas que também teriam influenciado a cultura humana.

Mesmo tendo sido atacado inúmeras vezes por religiosos e céticos este livro resistiu ao teste do tempo sendo procurado até hoje por estudiosos de ufologia e do que se convencionou chamar "realismo fantástico". Baseado em seus primeiros estudos sobre ruínas ancestrais, cidades perdidas, prováveis espaçoportos e uma gama de fatos científicos Däniken busca possíveis evidências da intervenção extra terrestre no desenvolvimento da cultura, progresso e da religião humana culminando com a idéia desenvolvida de que nós mesmos seríamos descendentes dessa raça alienígena apresentando evidências arqueológicas que corroboram com esta idéia.

Apesar de hoje poder ser considerado um tanto inocente, este livro é uma obra fundamental não apenas para se conhecer as idéias de Däniken, mas para se compreender de onde grande parte das teorias de visitações e intervenções alienígenas contemporâneas vieram. Como escreve o Professor Pereira em sua introdução: "Däniken, ao longo dos seus doze capítulos, propõe nos cerca de 323 interrogações. É o quanto basta para situar a obra no rol dos livros polêmicas."

Índice

Apresentação  João Ribas da Costa

Apresentaçã
o Professor Flávio A. Pereira

Introdução

Capítulo I: Há outros seres inteligentes no Cosmo? 
Há inteligência extraterrenas?
É possive1 vida sem oxigênio?
Há vida em ambientes que seriam letais para o homem?

Capítulo II: Quando nossa espaçonave pousou...
A viagem fantástica de uma nave espacial para o Cosmo
"Deuses" chegam em visita
Vestígios que o vento não leva

Capítulo III: O Mundo improvável do inexplicado
Mapas geográficos de 11.000 anos de idade? Aeroportos Pré históricos?
Pistas de aterrissagem para os "deuses"? A cidade mais antiga do mundo
Quando é que a rocha se desintegra? Quando a maré chegou
A mitologia dos sumérios. Ossos que não procedem de macacos
Será que todos os desenhistas da Antigüidade tinham o mesmo tique?
Recebiam nossos antepassados visitas do espaço cósmico?
Baseiam-se em premissas falsas certas partes da Arqueologia?
Temos um passado fantástico?

Capítulo IV: Seriam astronautas os "deuses"?
A Bíblia certamente tem razão - Dependia Deus do tempo?
A Arca da Aliança de Moisés continha carga elétrica
Veículos cósmicos dos "deuses" na areia do deserto
O Dilúvio foi planejado
Por que os "deuses" exigiam determinados metais?

Capítulo V: Astronaves procedentes do espaço
"Deuses" e humanos gostavam de acasalar-se - Mais uma
exposição de novos veículos - Indicações sobre energias de aceleração
O primeiro relatório de fatos observados de bordo de uma nave espacial
Narrativa de um sobrevivente do Diluvio
O que é "verdade"?

Capítulo VI: Imaginação e lendas antigas.. Ou antigos fatos?
Tinham todos os Cronistas a mesma imaginação maníaca?
E, mais uma vez, "carros celestiais"! - Explosões de bombas H na
Antigüidade? - Como a e descobrem planetas a em telescópios?
O curioso Calendário de Sírio - Nada de novo no Norte
Onde ficam os livros antigos? - Recordações de nós no ano de 6965
O que restaria de nós, depois de uma destruição total?

Capítulo VII: Maravilhas da Antigüidade ou "espaço portos" pré-históricos?
Um tablado de dança para gigantes
De que viviam os egípcios antigos? - Era Quéops um impostor?
Por que as pirâmides estão lá onde estão?
Cadáveres vivos por congelamento profundo? - Modistas pre-históricos
É o método C-14 de segurança absoluta?

Capítulo VIII: A Ilha da Páscoa - A Terra dos Homens Pássaros
Teriam os deuses abandonado os gigantes na Ilha da Páscoa?
Quem foi o deus branco?
Não se conheciam teares, mas assim mesmo cultivava-se algodão
A última compreensão do homem

Capítulo IX: Os mistérios da América do Sul e outras singularidades
Cidades do jângal construídas com base em calendários
Migração dos povos como excursão de família? - Um deus tem um desencontro
Por que os observatórios são redondos? - Máquinas de calcular na Antigüidade
Uma reunião de deliciosas maluquices

Capítulo X: A experiência espacial terrestre
Tem sentido a cosmonáutica? A quem aproveitam os bilhões investidos?
Guerra ou cosmonáutica?
O que há com os muitos caluniados discos voadores?
Já há 60 anos houve uma explosão nuclear
Será a lua de Marte um satélite artificial?

Capítulo XI: A busca de comunicação direta
Sinais para o Universo
Existem transmissões de pensamento mais velozes que a luz?
O caso singular de Cayce - A equação de Green-Bank
Cientistas preeminentes representam a Exobilogia
Qual é o trabalho da NASA?
Diálogo com Wernher von Braun
 
Capítulo   XII: O futuro
Fábricas do pensamento asseguram o futuro
Para os velhos profetas era mais fácil
Fecha-se o anel


Quer publicar seu texto no Morte Súbita inc? Envie para nós.