Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Alta Magia Magia Cerimonial História da Magia Processos Célebres: Templário & Joanitas

Processos Célebres: Templário & Joanitas

Templários

Em 1118, nove cavaleiros cruzados no Oriente consagraram-se à religião e prestaram juramento diante do patriarca de Constantinopla, sede sempre secular e publicamente hostil à de Roma... O objetivo confessado dos templários era proteger os cristãos que visitavam os lugares santos; seu objetivo secreto era a reconstrução do templo de Salomão de acordo com o modelo profetizado por Ezequiel [daí o nome "Templários", segundo E. Levi]. Esta reconstrução, ...predita pelos místicos judaicos dos primeiros séculos, tornara-se um sonho não confessado dos patriarcas do Oriente. O templo de Salomão, reconstruído e consagrado ao culto católico, seria, de fato, a metrópole [o centro] do Universo. O Oriente prevaleceria sobre o Ocidente e os patriarcas de Constantinopla apodera-se-iam do Papado.


Joanitas

...Os templários seguiriam os modelos da Bíblia, os pedreiros guerreiros de Zorobabel que traziam a espada em uma mão e a trolha [pá de pedreiro] na outra. É por isso que a espada e a trolha foram as insígnias dos templários que, mais tarde ...se ocultaram sob o nome de "irmãos maçõns". [Entre os nove cavaleiros consagrados estava Hugues de Payens que não estava interessado nos sonhos dos patriarcas. Ele tinha ingressado em uma seita de cristãos joanitas] ...que pretendiam ser os únicos iniciados nos verdadeiros mistérios da religião do Salvador; pretendiam conhecer a história real de Jesus Cristo e, adotando em parte tradições judaicas e narrações do Talmude, acreditavam que os fatos contados nos Evangelhos não passavam de alegorias... No que se refere à história, eis o que os Joanitas contavam:

"Uma moça de Nazaré, chamada Míriam, noiva de um rapaz de sua tribo chamado Iocanaã, foi surpreendida por um certo Pandira, ou Panter, que abusou dela à força depois de se ter introduzido em seu quarto sob as vestes e nome do noivo. Iocanaã, conhecendo sua noiva, deixou-a sem comprometê-la ...e a moça deu à luz um menino que chamou Josuá ou Jesus. Este menino foi adotado por um rabino de nome José, que o levou em sua companhia para o Egito. Ali, Jesus teria sido iniciado nas ciências secretas e os sacerdotes de Osíris, reconhecendo nele a verdadeira encarnação de Horo, prometido há muito tempo aos adeptos, o consagraram soberano pontífice da religião universal.

Josua e José voltaram à Judéia onde a ciência e a virtude do moço não demoraram a excitar a inveja e o ódio dos sacerdotes que, um dia, lhe censuraram publicamente a ilegitimidade de nascimento. Josua que amava e venerava sua mãe, interrogou José e soube toda a história do crime de Pandira e da desgraça de Míriam. Seu primeiro movimento foi renegá-la publicamente, dizendo-lhe no meio de um festim de núpcias: "Mulher, que há de comum entre ti e eu?"

Depois, pensando que uma pobre mulher não pode ser punida por ter sofrido o que ela não podia impedir, exclamou: "Minha mãe não pecou, ela não perdeu sua inocência; ela é virgem, embora seja mãe; que dupla honra lhe seja prestada! Quanto a mim, eu não tenho pai sobre a terra. Eu sou filho de Deus e da humanidade."
...Os joanitas chegavam ao ponto de fazer São João, o Evangelista, responsável por esta pretendida tradição e atribuíam a este apóstolo a fundação de sua Igreja secreta. Os grandes pontífices desta seita tomavam o título de Cristo e pretendiam ser os sucessores de São João. ...Assim, a ordem dos cavaleiros foi manchada desde sua origem...

...A ordem fazia profissão exterior da mais perfeita ortodoxia ...católica-romana... [Secretamente, porém] ... O Joanismo dos adeptos era a Cabala dos Gnósticos degenerada em um panteísmo místico... Para ter melhor êxito e criar adeptos, eles [acolhiam] os pesares dos cultos decaídos e as esperanças dos cultos novos, prometendo a todos liberdade de consciência e uma nova ortodoxia que seria a síntese de todas as crenças perseguidas. ...Os templários foram jesuítas mal sucedidos.

Sua palavra de ordem era tornarem-se ricos para comprar o mundo. ...com efeito, em 1312 eles possuíam na Europa mais de mil senhorias. A riqueza foi seu desastre: tornaram-se insolentes, mostraram seu desdém para com as instituições religiosas e sociais que aspiravam derrubar. ...O Papa Clemente V e o rei Felipe, o Belo, deram um sinal à Europa e os templários, envolvidos por uma imensa rede, foram presos, desarmados e encarcerados.

O estupor apoderou-se do mundo cristão e esperavam-se revelações. Era impossível explicar ao povo o plano da conspiração dos templários. ...Recorreu-se à acusação de Magia e acharam-se denunciadores e testemunhas. ...É conhecido o fim deste drama ...como Jacques de Molai e seus companheiros morreram nas chamas; mas antes de morrer, o chefe do templo organizou e instituiu a maçonaria oculta. Do fundo de sua prisão, o grão-mestre criou quatro Lojas metropolitanas: em Nápoles, para o Oriente, em Edimburgo para o Ocidente, em Estocolmo para o Norte e em Paris para o Sul. O Papa e o rei morreram logo de um modo estranho e súbito. Esquino de Florian, principal denunciador da ordem foi assassinado. Quebrando-se a espada dos templários fez-se com ela um punhal e suas trilhas proscritas não trabalhavam senão em túmulos.
 

História da Magia