Durban II tenta censurar crítica às religiões — Morte Súbita inc.
Morte Súbita
Criticando quem critica a crítica desde 1996

Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Blog Durban II tenta censurar crítica às religiões

Durban II tenta censurar crítica às religiões


Criticando quem critica a crítica desde 1996


A citação abaixo foi retirada do  Wall Street Journal de um recente artigo sobre a Segunda Conferência de Durban sobre crimes de ódio das Nações Unidas:

"A seguinte declaração versa sobre liberdade de expressão e leis antiterror com o intuito de proteger a religião (Islam) da difamação. O Ocidente inteiro está a beira de uma grande perseguição ao Islam. A mais séria manifestação da difamação da religião é a crescente islamofobia que agrava a situação da minorias islâmicas ao redor do mundo."

Para quem não acompanhou a trajetória informamos que a “Conferência de Durban II” orientada no combate ao racismo tenta agora criminalizar (ou no mínimo tornar tabu internacional) qualquer crítica pública a religião. O enfoque claro é quanto a  Islamofobia, um termo usado pelos militantes islamicos para rotular qualquer critica ao islamismo e categorizá-la como crime de ódio.

Os atos de ódio dos terroristas islâmicos não são sequer citados na conferência. Ao invés disso é feito um flerte a censura com uma solicitação a mídia global para seguir "normas internacionais de divulgação" nos casos de atentados.

A iniciativa Morte Súbita inc lamenta este retrocesso dos valores ocidentais corroborado pelos representantes brasileiros. Felizmente o Canadá já pronunciou que os termos atuais são inaceitáveis. É provável que os EUA façam o mesmo mas não podemos dizer o mesmo da União Européia. Se você é uma dessas pessoas que acredita que suas crenças não devem sofrer o desafio da crítica ao do debate aberto. Achamos que você deve sair o quanto antes deste site e  aconselhamos seriamente que reavalie sua própria fé.


Ações do documento