Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Demonologia Estudos de Demonologia Conceituação do Abismo

Conceituação do Abismo

deathtreeQliphoth   são   características   da   Sombra   e   antíteses   que   estão   ocultas   por   trás   de  tudo.  A Cabala   representa   princípios   matemáticos / geométricos,   através   do   qual   modela-se  o Universo.   E   nesse   modelo   as   Qliphoth  correspondem aos   princípios   do   caos   e   os fractais. São   as  forças   destrutivas   e   divisórias   que   o   adepto   usa   para   liberar-se   das  limitações   da criação  e explorar   níveis   mais   vastos   e   profundos   da  existência.

Através   destas   forças  podemos   aprender   a criar e destruir.  Na mitologia, os   anjos   caídos são  aqueles que   primeiro   usaram  as   forças  qliphoticas   para   libertar-se   de um  sistema   planetário  que oprimia-os.  As   forças   das   trevas   quebram   os círculos   de   prisão   e   possibilitam  a   liberdade de   uma existência   individual  além  dos   planos divinos.

Existe   três   principais   níveis   de conhecimento,   em que   o  primeiro   é nosso   conhecimento   mundano   e   as informações   que a   ciência   nos  traz. Abaixo   desse   nível   podemos   encontrar   o   conhecimento   esotérico que foi   transmitido  através   das   sociedades   ocultas e linhagens.   E   ainda   mais   oculto   do   que   esses   dois níveis   podemos  encontrar   o   conhecimento   das  qliphoth.

Os  nossos ancestrais  estavam   cientes   de   passagens   no   espaço   através   das quais  visitantes   noturnos entram  em   nosso   mundo,   e   várias  correntes mágicas tem   postulado  corretamente os pontos   de   entrada.   O  mito   dos sombrios Deuses   Antigos   retornando   para   reclamar   os   tronos  da terra   é   um  tema   secular   e   tem  sido   revivido constantemente nao somente por ficção mas até pela ciência com pesquisas subnucleares.

 
As   fendas  são  passagens  para   os   infernos   ocultos,   não   percebidos   porque   estão   por   “atrás” do   Universo.   A  entrada no   abismo   que   o iniciado   tem   que   realizar   de   forma   à transcender   a  existência   fenomenal   e   penetrar   o   Véu   do   Vazio   é   vividamente   explicado pelos cientistas  em seus relatos sobre os. Buracos   Negros,   embora   as observações  não usem termos   de   metafísica.  Podemos   imaginar   cada   uma   dessas   fendas   como pontos   dando   acesso   ao   interior   do   Abismo.

 

Árvore  da  Morte  E Seu Diagrama
O Universo  B  é  disposto  em um sistema  matemático  e  geométrico conhecido  como  Árvore  do Conhecimento/Morte (Otz  Chiim/Daath). Esse  modelo  estabelece  as  zonas  das emanações  qliphoticas,  suas características  individuais  e  influência das  relações  conjuntas  que  elas estabelecem no homem e no universo. Todas  as  qliphoth  estão  ligadas  por uma  rede sombria  de  22  Caminhos que  são  guardados  pelos  Gênios Infernais  responsáveis  pela  condução do  Adepto de um  Reinos  Qliphoticos ao outro. E cada Reino Qliphotico nesse Diagrama é dominado por uma entidade infernal.

archdemonios

Podemos ver abaixo também  o sigilo desses 22 Caminhos usado para convidar seus respectivos Gênios sombrios para auxiliar a Iniciação/Caminhada no Lado Noturno.  Em outro trabalho estudaremos cada um separadamente:

tuneis

Os 4 Mundos Infernais

Para terminar essa breve explanação sobre as qliphoth, temos esses reinos sombrios separados em quatro subplanos de emanações que incorporam  a Árvore da Morte. Esses subplanos são as águas abissais divisoras das infradimensões. Na imagem temos ilustração das  águas abissais:

 

aguas

1.  Abismo das  águas  das  lágrimas

2.  Abismo das  águas  da criação

3.  Abismo das  águas  do oceano

4.  Abismo das  águas  do mar

Abismo das  Águas  das  Lágrimas: São as aguas  abissais  que  separam a consciência  divina/luz   germinando o subplano qliphothico. Nesse  estagio toda a ação ocorre  através  do subconsciente onde  mora  a Sombra.

Abismo das  Águas  da Criação: É  a criação nascendo do útero  das  trevas, distante  da Luz, e  multiplicando a emanação Qliphoth. Nessa infradimensão que os  demônios habitantes  do  Abismo foram  criados  e vieram  a ser.

Abismo das  Águas  do Oceano: Nessa região está todo sistema de  hierarquia entre  os  habitantes  do  Abismo. É  a zona onde  as  emanações  são repartidas em  graus  de  Poder,  estando as  altas lideranças  a serviço dos  Deuses Sombrios.

Abismo das  Águas  do mar: É  limbo, as regiões  oníricas  trevosas.  Aqui  toda ação qliphotica forma  um  campo astral que  atua como reflexo obscuro  do Universo.

 

 

Por Dom Wilians