Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Jesus Freak Cristandades Os Santos Mais Estranhos de Todos os Tempos Santa Brigida

Santa Brigida

Santa BrigidaEla via gente morta. Com que frequência? O tempo todo. Santa Brígida da Suécia tinha intimidade o bastante com o além para causar hoje inveja aos espíritas, descrédito aos materialistas e desconforto aos católicos. Sua fama era tanta que ela era sempre procurada pelos fiéis no convento para dar informações sobre parentes mortos. Mas não funcionava assim. Ela não tinha controle de quem entraria em contato. Mesmo assim nunca deixava seus visitantes irem embora sem palavras de conforto e orações pelo o alívio das almas de seus entes queridos.

Ela teve visões de Nossa Senhora e Jesus Cristo - que tecnicamente não estão mortos - mas mas na maior parte das vezes via e ouvia santos e anjos. Isso sem falar nas visões menos agradáveis das almas no inferno e no purgatório. Com essas habilidades ela colocava por escrito tudo o que via e ouvia em cartas e as mandava aos seus conhecidos e também as autoridade da época. Ela disse ao Papa que voltasse a Roma enquanto ele se escondia em Avignon. E ele escutou. Ela disse aos reis da França e da Inglaterra que abreviassem o que hoje chamamos de Guerra dos Cem Anos. E obviamente eles não escutaram.

Estas cartas marcaram tanto sua trajetória que no seu processo de canonização ela foi chamada de "corriere al servizio di un grande signore" que em português signfica “correio a serviço de um grande senhor”. Assim nasceu uma vasta literatura conhecida como "Revelationes" e "Extravagantes". Estas transcrições dos céus tratam de assuntos morais, metafísicos, teológicos e descrições da vida após a morte. Além de virar santa, dar ordens ao papa e fundar uma ordem religiosa - a Ordo Sancti Salvatoris (Brigidinos para os íntimos) - Santa Brígida é considerada hoje a padroeira da Suécia.