Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Psico Textos de Psicologia Bizarra Seu Cérebro é Deus Oito Habilidades de Deus

Oito Habilidades de Deus

A experiência religiosa é extasiante, extraordinária, intimidadora, life- changing (provoca mudança de vida), mind-boggling (atordoante), e o confronto com um, ou todos os oito mistérios básicos da existência. O objetivo de uma vida inteligente, de acordo com Sócrates, é o de perseguir até o fim a questão filosófica — para ampliar o seu próprio conhecimento, do ser e do mundo. Agora, há uma importante divisão de tarefas envolvidas na busca filosófica. A Religião sendo pessoal e particular, não pode produzir respostas às oito questões básicas. O papel do filósofo é o de dar a partida, inflamar a questão, levantar as questões em chamas, e inspirar a procura das questões. É a ciência que produz as respostas que mudam para sempre e acrescentam as entocadas perguntas que o questionamento religioso delibera. Há oito perguntas que qualquer pesquisa justa de nossa história filosófica concordaria em como sendo as mais fundamentais para a condição existencial.

OITO QUESTÕES FUNDAMENTAIS

Origens|Gênese

Como, quando e de onde a vida veio? Como ela evoluiu?

Política|Segurança

Porque os homens lutam e competem destrutivamente? Quais são as leis territoriais que explicam e definem o – conflito --? Como podem os humanos viver em relativa paz e harmonia? Como, quando, onde e porque os humanos diferem (entre si e outras mamíferos) controle, espécies em de agressão, cooperação e afiliação?

Epistemologia| Verdade, fato, comunicações, manufatura de objetos, artefatos e sistemas simbólicos.|

Como, quando, onde e porque a mente emerge (no indivíduo, artefatos e sistemas e espécies)? E como, quando, onde e porque os humanos diferem conhecimento e

linguagem em suas habilidades para processar informações, aprender, comunicar, pensar, planejar e manufaturar?

Ética| Bom e mal, certo e errado.

Como, quando, onde e porque os humanos diferem em suas crenças morais e rituais? Quem decide o que é bom ou ruim?

Estética| Beleza, prazer, luxúria, recompensa sensorial

Como, quando, onde e porque os humanos devotam suas energias à decoração, hedonismo, arte, música, entretenimento? E como, quando, onde e porque eles

diferem em formas de prazer?

Ontologia| Realidade e a suas (deles) definições

Como, quando, onde e porque os humanos diferem nas realidades que eles constroem e habitam? Como as realidades são formadas e mudadas?

Teleologia|Evolução & “des”-evolução” da vida

Quais são os mecanismos da evolução? Onde, quando, como e porque a evolução ocorreu? Acaso? Seleção natural? Eleição Natural? Criação? Se a vida é criada e

a evolução desenhada, quem fez isso? Pra onde a vida está indo?

Cosmologia|Evolução galática, de estrutura final e básica.

Como, quando, onde, e porque a matéria — energia foi formada? Quais são as unidades básicas e padrões de matéria—energia? Quais são as forças básicas, energias e planos que “seguram” o universo (ou não) e determinam sua evolução? Pra onde estamos indo?


“THE NAVIGATIONAL QUESTION”

Agora, é verdade que a maioria dos seres humanos gasta pouco tempo pensando a respeito dessas questões. As questões mundanas sobre como se alimentar, como evitar vizinhos irritantes, qual carreira seguir, qual garota casar e quem vai ganhar o Super Bowl tornam a consciência normal da maioria dos humanos obsessiva.

A pessoa religiosa-filosófica é definida pelo seu interesse para a grande “navigational question”. As respostas, nos relembramos, vêm de postos de escuta que nós estabelecemos para obter da natureza os sinais que vão elevar nosso conhecimento a respeito de até o que vai a natureza.

 

RESPOSTAS CIENTÍFICAS

 

O século XIX foi a época de uma considerável desordem e confusão religiosa. Por um lado, os antigos crédulos obviamente não haviam sido bem sucedidos em produzir respostas seguras. Quando a Igreja Católica ameaça punição eterna para crentes que não seguem os tabus de São Paulo do século I contra controle de natalidade — em uma época em que a fome e a superpopulação eram endêmicas nos países Católicos —, um certo nervosismo se desenvolve. Quando a guerra de 1000 anos entre o Cristianismo e o Islamismo entrar em erupção na 87a cruzada — Rockefeller vx Khomeini-Khandaf i — novamente, as pessoas mais sensíveis se perguntariam o que esses velhos religiosos fundamentalistas realmente têm em mente para o futuro de nossa espécie.

De repente, há uma explosão de novos “insights” científicos — física nuclear, astrofísica, genética, neurologia, etnologia — que produzem dados que requerem mudanças drásticas nos conceitos da natureza humana. Nós enfrentamos a esplêndida e gloriosa possibilidade de agora, pela primeira vez, no planeta, o futuro genético. Certamente é hora de uma celebração global! Finalmente nossa espécie está no limiar da vida, não em um medo e uma ignorância intermináveis, mas em uma confiante e amável esperança!

 

PAGANISMO CIENTÍFICO

 

Na medida em que vamos estudar essas novas descobertas que nos permitem aprender e praticar as oito tecnologias de Deus, nós estamos encantados em descobrir que algumas religiões antigas, principalmente as pagãs, no passado milenar, anteciparam o que nossos cientistas estão descobrindo

agora. E como americanos, nós estamos orgulhosos em apontar que a cultura- das-drogas dos anos 60 que causou uma vertiginosa, selvagem e confusa erupção de filosofia e anarquia espiritual cumpriu um papel importante em estimular e provocar o novo Paganismo Científico do século XXI. As novas respostas científicas nos provêm 8 novas definições de Deus como um desenhista/tecnólogo do universo. E elas sugerem como qualquer pessoa séria e inteligente pode começar a ser mestra dessas Oito Habilidades da Divindade.

 

Timothy Leary

Conteúdo relacionado