Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Satanismo Livros Satânicos Naos Introdução a Feitiçaria Satânica

Introdução a Feitiçaria Satânica

Os seguintes capítulos dão detalhes de varias técnicas de magicka externa, e essas técnicas são usadas para trazer uma meta especifica de desejo. Aqueles que desejam usar elas em um sentido pratico são avisados para primeiro ler Apêndice V (preparação para Rituais Herméticos) seguido pelo Apêndice II (Técnicas de Visualização). Também, se você não empreendeu a Iniciação como dada na Parte Um acima, isso (ou o ritual dado no Apêndice IV) deve ser feito, desde que isso, é uma ‘introdução para o papel de feiticeiro/feiticeira’. Magicka externa bem sucedida em uma grande extensão depende da aceitação desse papel: ele é a abertura do portal interior que leva para o acausal, aquela fonte de energia magicka.


Magicka externa – hermética e cerimonial – é uma habilidade, a aprendizagem que é uma das tarefas de um Iniciado seguindo o caminho septenario. Esse aprendizado é associado todo naturalmente com o grau magicko de ‘Adepto Externo’.


As técnicas dadas capacitam o cumprimento de desejos, sem restrição. Uma dessas técnicas – os ‘Caminhos Sombrios’ – envolve a atração/invokação de tipos de energias ‘sombrias/sinistras/negativas/caóticas’ e nesse sentido é um trabalho de ‘Caminho da Mão Esquerda’: isto é, tem relação com varias áreas da consciência que são frequentemente desentendidas. Os trabalhos com os caminhos podem ser ditos serem jornadas dentro dos lados sombrios do inconsciente (ou ‘inconsciente oculto’) da psique do individuo, e enquanto essas energias podem ser usadas hermeticamente – isto é, direcionada pelo desejo em direção de uma meta ou intenção especifica – elas podem ser usadas ‘internamente’ para provocar/causar mudanças na consciência individual, ajudando assim o desenvolvimento magicko e auto-entendimento. Nesse sentido ‘interno’, quando as energias são produzidas (por meios dados no capitulo ‘Caminhos Sombrios’) elas não são direcionadas, mas deixadas produzir imagens/sensações na psique (como nos trabalhos com esferas na Parte Um). Ambos os tipos de trabalhos associados com o aprendizado magicko de um Iniciado – isto é, eles são empreendidos antes do Ritual de Grau de Adepto Externo, esse Ritual de Grau sendo um meio de integração consciente das experiências.

NAOS, Order of Nine Angles