Ir para o conteúdo. |

  • A Empresa
  • Apoie
  • Contato
  • Seções:
siga a estrada de tijolos amarelos: Satanismo Livros Satânicos Nasz-Dom Falcifer – Senhores das Trevas

Falcifer – Senhores das Trevas

             (Deofel Quarteto, Volume I)

                              Anton Long

                   
                     Order of Nine Angles

                  Traduzido por :   NYTHRA KARU

 

Primeira emissão 1.976 E.N.

 

Este texto corrigido (v.1.01) emitido 119 Ano de Fayen

 

Prólogo

O cântico se elevava para o seu clímax demoníaca:

Agios o Atazoth! Suscipe, Satanas, munus quod tibi offerimus ...

Não havia vento no alto do monte para arrebatar as palavras cantadas de distância, e os nus dançarinos girou mais e mais rápido ao redor do altar, sob o céu iluminado pela lua da noite, frenética de sua dança e pela batida insistente dos Tabors.

Os dois cantores de vestes vermelhas cantava seu canto satânico ao seu fim quando, nas proximidades, o Tanith Mistress, como a profetisa mais velho, proferiu palavras de seu Grão-Mestre de ouvir: "Desde o Círculo de Arcadia vier tendo o dom da sua juventude como sacrifício e chave para abrir o portão para os nossos deuses ... "

Rapidamente, em seguida, para o chão os dançarinos circulando caiu quase esgotados: ruddied por Baco, o Grande ea força da dança como, ao redor do altar em que Tanith

contorcia, a orgia de luxúria começou ...

 

                                             ^^^^^^^

                                                   I

Leste  Equitação  de  Yorkshire,  final  dos  anos  1960  (E.N.)

 

O quarto estava escuro , embora as velas no altar foi aceso, e Conrad poderia vagamente ver o bruxas que se preparam para o ritual . Sua Sacerdotisa usava um manto escarlate e veio em sua direção, ela pés descalços , evitando o círculo pintado no chão e as taças de incenso que não só encheu o sala com um perfume com cheiro doce, mas também acrescentou à sua escuridão.

"Por favor " , disse ele, apertando a mão dele com a dela antes de re-organizar seus longos cabelos para que ele caiu ao redor de seus ombros ", tente fazer e relaxar. "

Então, ela estava se movendo ao redor da sala , dispensando indicações finais para os membros de seu clã. tudo parecia um pouco chato e desprovido de verdadeira magia para Conrad e ele começou a se arrepender de sua aceitação. ele me senti desconfortável vestido em um terno , enquanto os outros usavam vestes.

" Nigel ! " ele ouviu o grito Sacerdotisa, " por favor, não coloque o nosso livro no chão! " Ela recuperou sua cópia do Livro das Sombras e colocado sobre o altar antes de tocar o sino pequeno altar. "Deixem-nos começar. " , ela disse.

Ela ficou de pé no centro do círculo , os quatro homens e duas mulheres à sua volta, levantando as mãos dramaticamente antes de entoar seu cântico.

" Tenebrosa noite ea lua brilhando, harken a nossa runa Wicca. Leste então para o sul , então oeste , em seguida, Norte, harken ao nosso chamando ... "

Ela estava girando em volta , e sob o seu manto fino, Conrad podia ver seus seios. Encontrou-a

sexualmente atraente , e seguiu seus movimentos com atenção. Talvez, pensou ele, não seria tão chato depois de tudo ... de repente , as velas tremeluziam e balbuciou . Não havia nenhuma brisa como causa e escuridão repentina foi inesperado. Conrad podia sentir a Alta Sacerdotisa perto dele , mas seu tatear

mão não conseguiu encontrar seu corpo.

" O que é isso ? " ele ouviu uma voz masculina nervoso perguntar.

O frio fora da casa refrescada ele para que ele se lembrou que tinha esquecido o casaco e

que um ônibus número 65C iria de ônibus o levaria de volta à sua Universidade . As ruas de sódio iluminado

parecia possuir uma beleza estranha na escuridão do inverno e como ele caminhou lentamente ao longo deles , o

sentido de o poder que ele tinha sentido tornou-se apenas um mal-estar vago ainda preocupante.

Um ônibus disgorged ele perto do campus e ele vagou pelos caminhos concretos que a entrelaçados

Universidade sem perceber o homem a segui-lo . Ele lembrou o desafio de Neil para seu ceticismo

sobre bruxaria e magia , a convite de seu amigo tinha arranjado rapidamente para a reunião coven e

seu próprio riso. Seria interessante , ele tinha pensado , e ele iria assistir com científica

desapego enquanto as almas simples espectáculo suas fantasias sexuais ao abrigo do Oculto .

Várias vezes ele parou quando se lembrou da beleza sensual da Alta Sacerdotisa, os ricos

fragrância do incenso, o seu beijo , e várias vezes ele se virou, com a intenção de retornar ao seu

casa. Mas o poder , a garantia de arrogante, ele sentiu em sua casa como a estranha luz impregnada

ele está com brilho se foi, e ele era apenas um primeiro ano de Graduação ciência estudar, estranho

e tímido com as mulheres.

Em vez disso, ele foi até a casa perto do campus que Neil compartilhado com outros estudantes. Neil

teve o prazer de vê-lo. Sentaram-se em seu quarto , enquanto na casa adornos música .

" Você está de volta mais cedo ", disse Neil , e sorriu.

Conrad não perdeu tempo com trivialidades . "Eu quero que você me conte sobre magia. "

" Você está seriamente interessado , então?"

Conrad pensou na Alta Sacerdotisa , seu corpo voluptuoso, e disse: "Sim!"

" Bem, como você sabe, eu tenho alguns pouco interesse e conhecimento , o assunto. "

"Então - o objetivo do feiticeiro é controlar essas forças ou poderes que são Oculta ou escondido de nossa

percepção cotidiana? "

Neil parecia surpreso. " Sim, exatamente. Você foi lendo sobre o assunto ? "

"Não."

"Então, como - "

Conrad encolheu os ombros. "Foi uma dedução óbvia e lógica. "

Neil sorriu. Seu próprio fundo era artístico, sua casa da cidade e do porto a partir do qual a Universidade

derivou seu nome , e ele tinha encontrado o Conrad enfrentou - magro , um mês antes , enquanto a distribuição de folhetos

no campus. Conrad tinha lido o documento oferecido e , na discussão que se seguiu, demolido

seu conteúdo de maneira lógica e eficaz. O jovem sério, vestido em um terno , em contraste com o casual

roupas de todos os outros alunos , o havia impressionado .

"Basicamente ", disse Neil , " magia simboliza as várias forças , às vezes em termos de deuses , deusas

ou demônios , e às vezes em formas puramente simbólicas. O conhecimento de tal simbolismo é a base

de controlá-los - . acordo com o desejo ou vontade do feiticeiro "

"Eu vejo ".

"É claro , algumas pessoas acreditam que tais entidades - deuses , demônios e assim por diante - existe na realidade , externa ao

nós. Outros acreditam que tais formas são realmente apenas parte do nosso sub-consciente e nosso inconsciente. em

termos práticos, não importa qual : os meios de obtenção de controle são essencialmente os mesmos . "

" Então, onde está todo esse simbolismo ? " Ele apontou para as fileiras de livros na sala.

Neil entregou-lhe um. " Isso dá a essência da magia cerimonial . Baseia-se que a maioria

Os ocultistas acreditam que é a tradição ocidental de magia " .

Conrad olhou através do livro. " Qual é? "

" A cabalística . O mundo do ocultismo e as forças que a compõem são representados por que é chamado de Árvore

da Vida, que é composto por dez etapas ou sephira . Cada sephira corresponde a certas coisas na

mundo - . humana, divina e, claro, demoníaca "

Conrad olhou diretamente para ele . "A maioria dos ocultistas , você diz? Então, o que você acredita? "

Neil não ficou surpreso com o insight de Conrad. " Há uma outra tradição - um segredo . "

" Qual é? "

" Ele tem muitos nomes. "

"Eu tenho certeza. Você vai me dizer ou não? "

" Eu só tenho ouvido falar dele em segunda mão , por assim dizer É uma tradição sinistra - . Alguns diriam Satanic o .

é baseado em uma divisão de sete contra o cabalístico dez. Daí um de seus nomes - o sistema setenário.

"E você tem detalhes sobre esse sistema?"

"Eu sei que algumas pessoas que conhecem um grupo que usá-lo."

"E através de um sistema tão mágico pode-se obter um desejo?"

"É possível, sim."

"Então, quando eu posso encontrá-los - estes Preto magos?"